domingo, 8 de abril de 2012

Feriadão Chuvoso nos Três Picos


A previsão de tempo não era das melhores, mas mesmo assim a gente arriscou uma ida aos Três Picos neste feriadão de Pascoa. Fomos eu, Gi, Motta, Xandinho e Ângela. Como a idéia era ficar na República Três Picos - http://www.republicatrespicos.com.br/ - fomos todos de 4x4.

Saimos cedinho e encaramos a estradinha de terra sem grandes problemas. Lá pela metade da manhã montamos nosso acampamento com vista para os Três Picos.


Tinha planejado uma subida ao Pico Menor e Pico Médio com o Motta, para ver o nascer da Lua Cheia. Como era cedo, passamos o restante da manhã tocando violão. Após o almoço o tempo que já estava nublado virou de vez. Desistimos da caminhada da tarde e fomos para o refúgio.




A chuva veio forte, com um vento furioso. Fechamos as janelas e ficamos no escurinho do refúgio. Sabíamos que muitas cordadas estavam escalando e foram pegas de surpresa, incluindo nossos amigos Alex Chê e Cris. Mas aos poucos a turma toda foi chegando e fazendo fila para tomar um bom banho quente. Encerramos esse primeiro dia do feriadão com cerveja, vinho e violão.

Depois de uma boa noite de sono eu madruguei para tentar umas fotos. O tempo estava bem fechado, mas mesmo assim caminhei um pouco e inventei uns cliques.



Depois voltei para o refúgio para reunir a turma para um café da manhã.



Nesse dia caminhamos um pouco lá pros lados do Vale dos Deuses e depois ficamos curtindo o sossego do refúgio, lendo e jogando conversa fora. A tarde a chuva veio forte e pegou muita gente escalando de novo. Enquanto isso o Mascarim supervisionava o preparo da janta...


Nossa última noite no refúgio foi bem divertida, acompanhada de vinho, queijo e outros petiscos. Na hora de voltar para as barracas eu fiquei por último. Quando cheguei, já tava todo mundo entocado e com as lanternas acessas. Gostei da cena e corri no carro para pegar tripé e câmera para fazer um registro.


Fomos dormir com tempo nublado e até um pouco abafado. Na madrugada acordei com frio e isso poderia indicar uma mudança no tempo. Antes do nascer do sol arrisquei uma saida e o céu estava lindo, estrelado.


Caminhei até uma pequena elevação pertinho e montei o tripé. Por sorte o lugar tinha uma boa vista para o leste, onde o sol nasceria, e oeste, onde a lua estava se pondo por trás dos Três Picos. Um momento muito bonito, que valeu a viagem.



Logo o Mascarim apareceu para ver o nascer do sol e disse que a lua ia se por exatamente entre o Pico Maior e o Capacete, e que isso poderia ser visto do gramado do refúgio. Já com dia clareando, descemos pela trilha e ficamos curtindo esse lindo pór-da-lua.



Aos poucos a turma foi acordando pro café da manhã. Era um alívio saber que desmontaríamos o acampamento com tempo seco. O dia estava realmente bonito.


Desmontamos o acampamento e aproveitamos o restante da manhã para tomar umas cervejas e tocar violão, curtindo esse lugar que é muito especial.


A hora de ir embora fiz um último registro dos Três Picos. Depois descemos a estradinha, comemos uma truta e fomos para casa.

6 comentários:

  1. Relato e fotos, dão água na boca! :)

    ResponderExcluir
  2. Nossa, a foto do nascer do sol ficou deslumbrante!

    ResponderExcluir
  3. Parabéns pelo relato e fotos incríveis , ainda nesse ano quero conhecer os três picos , abraços .

    ResponderExcluir

Deixe aqui seu comentário.